000004-o-marketing-na-era-digital

O Marketing na Era Digital

Não existe Marketing Digital, o que existe é o “velho” Marketing aplicado as novas tecnologias e também transformado pelo comportamento do novo consumidor.

Neste post, trarei um pouco da evolução do Marketing dos anos 50 anos aos dias atuais e as implicações da interação, consumidor vs marca, dada as diferentes plataformas digitais. Boa Leitura!

A definição de Marketing Digital, por diversos autores se confundem ao do próprio Marketing.

O Marketing e o Marketing Digital visam a mesma finalidade: a aplicação de técnicas, métodos e sistemas que permitem a adequação da oferta (produtos, serviços e idéias) em todas as suas vertentes (preço, distribuição e comunicação) à satisfação das necessidades detectadas ou pressentidas nos consumidores. O Marketing Digital pode ser considerado a aplicação da filosofia de marketing às novas tecnologias (NUNES; CAVIQUE, 2008 apud DIGITAL DISCOVERY, 2013).

Dos conceitos que permeiam o Marketing, percebemos uma evolução ao longo dos anos e uma interessante mudança de foco. Da gestão de produtos nas décadas de 1950 e 1960, para o foco na gestão do cliente nas décadas de 1970 e 1980 e ainda uma contínua evolução para a gestão de marcas nas décadas de 1990 e 2000 que somada as transformações da últimas década, determinaram uma nova interação dos consumidores com as marcas. (KOTLER, 2010).

Vemos assim, que nos tempos atuais, as empresas precisam compreender que o novo consumidor, não aceita mais ocupar a posição de receptor. Este, cada vez mais detém de todas as condições favoráveis de tecnologia e acesso a informação, para formar a sua própria opinião e influenciar outros consumidores.

Os conceitos do “velho” e bom Marketing dos anos 50, ainda continuam válidos, o que muda para nova era digital é que o meio em que a informação se propaga se tornou muito mais eficaz e usual para o consumidor. Hoje, o consumidor pesquisa no Google, reclama, elogia, indica quando gosta, gera conteúdo no youtube, “bloga”, “twitta” a respeito do produto, sobrando muito pouco ou quase nada para a empresa, se for o caso de um ecommerce, onde até mesmo a compra, pode ser feita de forma online sem nenhuma supervisão da empresa. (ADOLPHO, 2011)

Nesse processo de evolução das tecnologias digitais interativas, colocando o consumidor gradativamente no poder, o ambiente de marketing tem sido impactado e modificado. O acesso a informação na palma da mão das pessoas, muda completamente a dinâmica do mercado, onde no marketing tradicional as ações era direcionadas ao impactar o consumidor, hoje o consumidor busca a marca como, onde e quando desejar.

A digitalização é base desta transformação e estrutura desta inversão. (GABRIEL, 2010)

Espero que tenham gostado do Post, fiquem a vontade para realizar comentários, críticas e sugestões . Grande Abraço!

DIGITAL DISCOVERY. Definição de Marketing Digital. 2013. Disponível em: <http://digitaldiscovery.eu/definicao-do-marketing-digital> .Acesso em 28/04/2014

KOTLER, P.; KARTAJAYA, H.; SETIAWAN, IWAN.; Marketing 3.0. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010, p.30-33

ADOLPHO, C; Os 8Ps do Marketing Digital. São Paulo: Novatec, 2011, p.122-123

Deixe uma resposta